30 agosto, 2011

Multiplicar o tempo



Parece que ontem consegui multiplicar o tempo em vez de esticá-lo. Isto porquê? Porque estive sózinha em casa, coisa que acontece 1 vez de dez em dez anos!
Filho mais velho com uns avós, filho mais novo com os outros e marido também fora.

Saí do escritório ás 19.30h, acham que é tarde? Nada disso, ainda o dia era uma criança e tinha a noite pela frente.

Então deu para exercício na passadeira, organizar a comida e frigorífico, navegar pela internet, começar a arrumar aquele que vai ser o quarto do filhote mais novo (neste momento tansformado em quarto das arrumações), que incluiu separar "lixo", de brinquedos para dar, brinquedos para o futuro quarto, brinquedos para um próximo filho, etc, abrir e organizar correspondência, fazer pagamentos, falar ao telefone com marido, pai e cunhada, tomar banho de imersão, colocar os cremes todos, secar o cabelo e ver televisão e deitar-me à meia noite que hoje era preciso levantar cedo.

Uma semana inteirinha assim e organizava toda a minha vida :)

9 comentários:

Sexy na Cidade disse...

sao mimos assim que nos fazem aproveitar o bom q a vida tem! =)

Maria

abspinola disse...

Ontem foi dia de estar Alone sem filho e sem marido.
Organizei e muito bem o tempo, mudar as camas e colocar novas capas de edredon novas e por a cabeça no lugar...

Bjs

susan disse...

Parece missão impossivel, mas pelos vistos não é.... Beijinho

Daniela disse...

Amiga, que legal... Vc fez tudo isso e ainda está se sentindo bem, isso que importa!!!

Tô torcendo por vc

Beijosssss

Taís e Paula disse...

São bons esses momentos a sós, q bom q conseguiu fazer tdas essas coisas!
Beijos da Taís.

Luciana disse...

O pior é que depois a "vida real" não é sempre assim!!Mas adoro esses dias que rendem 48 horas. Em compensação também temos aqueles que só parecem ter as horas de trabalho e não se consegue fazer mais nada.
Espero que tenhas força para que este ano seja diferente. Para mim, entre Novembro e Abril é a desgraça!

Miss Betterme disse...

Uau! Deu para fazeres montes de coisas!!!

Luisinha disse...

Ás vezes há dias assim, que rendem e consegue-se fazer imensa coisa. É pena é que não sejam todos assim.
Bjinhos

aloucura disse...

mt bom!

Percurso