13 julho, 2011

Se não tivesse filhos

Largava isto hoje.

Muita coisa envolvida, mas já não tenho a mínima vontade...sério.

Mesmo com filhos, sei que ia ter os apoios necessários aos vários níveis para o fazer, mas não acho o mais correcto, por isso não largo hoje, mas largo um dia.

Perdi o amor a este trabalho ou profissão, nem sei...


Sabem que um dia um ex namorado da minha irmã me disse ( ao ler a minha mão) que entre os 30 e 40 anos ia mudar radicalmente de profissão?
Engraçado, na altura não acreditei, porque imagino-me a fazer isto desde a mais tenra idade, sempre vivi para a minha área, mas quando me lembro disso, acho que ele é que tinha razão...

6 comentários:

megan disse...

oi flor
ql a sua profissão???
beijos e força

Alex disse...

e por demais vai ser começares a acreditar nisso! Sabes que em tudo na vida quando acreditamos muito numa coisa, ela acontece! :)

Gorduchita disse...

Engraçado como imensa gente que conheço, nesse intervalo de idades, está a pensar fazer o mesmo: mudar radicalmente de vida, fazer outra coisa...
Eu incluída! :)

Força para essa mudança que sentes como necessária! **

Marisa disse...

Força para as mudanças...
Mas que raio de profissão é a tua???
bjinhos

ana disse...

Tambem eu penso assim as vezes... Gostava tanto de meu trabalho e hoje em dia é quse uma fardo.

estrela disse...

Ainda não percebi qual é a tua profissão....diz lá para ver se conseguimos ajudar em alguma coisa!!

Percurso