15 julho, 2011

Amizades

É muito bom ter amigas

Eu fiz as minhas melhores amigas durante o liceu. Daquelas amigas que são para sempre, apesar da distância, apesar do diferente rumo que cada uma seguiu. Daquelas em que podemos falar ao telefone apenas uma vez por ano mas em que nada muda. É como se tivessemos falado na véspera.

Mudei de terra, dediquei-me à familia, ao trabalho e esqueci-me como é bom ter amigas (por perto). Esqueci-me até que elas existiam. Amigas para mim seriam essas que fiz, e com quem partilhava apenas uns telefonemas.

Há pouco tempo descobri (ou arranjei tempo!) que é possivel conhecer novas pessoas, que é possivel construir amizades. E que é muito bom. Do melhor que a vida tem.

Desde beber um cafezinho para pôr a conversa em dia, a partilhar tantas outras coisas, sair, ajudarmo-nos com os filhos umas das outras, falar de roupas, partilhar problemas, arranjar soluções...

Ponho-me a pensar onde é que eu andava? O que andava a fazer para não ter tempo para estes momentos. Eu sei a resposta, não quero é crer que desperdicei tanto tempo enfiada no trabalho.

É muito bom sabermos que há sempre alguém para nos ouvir, ou apenas para nos fazer rir, para partilhar disparates, alguem que está sempre presente.

Apesar de eu me dar muito bem com os meus rapazes, são isso, rapazes. Para mim ter amigas é uma grande novidade, hehe.

3 comentários:

*ANGELA* disse...

oieee
Reamlmente a vida sem amigos e muito dificil, eu tenho amigas de infancia com quem eu conversso ate hoje mesmo em Londres, mas aqui principalmente aqui ter amigos e preciso, e eu gracas a Deus fiz 2 grandes amigas.
Legal teu post.
bj

MariaNaLua disse...

Sim! sem dúvida as amigas são a melhor coisa do mundo, eu felizmente sou uma abençoada nesse campo :)

aloucura disse...

é do melhor que há...

Percurso