28 abril, 2011

Se não há mais nada para dizer, fala-se do tempo

Fui á rua e senti frio. Se noutra altura pensava "ai que frio, nunca mais vem o calor", agora já me começa a ser indiferente. Quer dizer, não é indiferente, mas parece que me vou conformando com o tempo, com a falta do Sol, com o frio na altura do calor e com o calor na altura do frio. Com as tempestades por todo o lado. É triste, mas parece que vai ser assim e com tendência a piorar. Nesta Páscoa tirei uma semana inteira de férias, há anos que não fazia isso...as temperaturas na semana anterior enquanto estava enfiada no escritório rondavam os 28º, eu não apanhei nem um dia de sol...
Neste momento o céu está completamente cinzento, não sinto a Primavera...
Nem as cores das montras me alegram (isto talvez pelas razões do post anterior...)

Já disse que me dou muito mal com a falta do Sol? Nota-se, não é?

E enquanto escrevi isto começou a chover e a trovejar...sem comentários...

7 comentários:

Julie disse...

O tempo anda estranho.

Eu hoje vesti 2 camisolas e casaco e ainda trouxe uma echarpe. :S
Não é normal. :S

Life is what it is disse...

Deixa ser mázinha... Aqui no Porto está calor, e eu estou de meia manga.
:)
Beijinhos

Até que enfim lev... disse...

Onde é q moras?
Em lisboa está sol e calor!

Banalidades a qualquer hora disse...

Tás com a telha!
Deves estar em tpm.
;)
Esquece isso e vai fazer uma coisa que te dê prazer.
Amanhã é outro dia.

Beijos
Elsa

Luisinha disse...

Aqui está um sol lindo e calor ;)
Porto...
Bjinho e anima-te

Doce disse...

Eu também adoro o Sol. Parece que quando os dias têm Sol tudo soa melhor.

Bruna disse...

Por aqui o tempo também anda estranho.

De manhã, friozinho, a tarde caloooooooorrr, a noite friozinho de novo.

Percurso